Centro Municipal de Dança


Centro Municipal de Dança da Secretaria Municipal da Cultura (SMC) articula as ações de dança de Porto Alegre, por meio da preservação da memória, do fomento à produção, formação de público, difusão e acesso às informações, atividades artístico-pedagógicas e constituição das relações com a produção em dança estadual, nacional, e internacional. O objetivo é valorizar os profissionais, promover a produção e o desenvolvimento da arte da dança, tornando-se um espaço de referência para a área na capital .


Bem Vindo!!!

28 de abril de 2017

Edital de Ocupação do Teatro Renascença e Sala Álvaro Moreyra


A Coordenação de Artes Cênicas da Secretaria da Cultura de Porto Alegre recebe no período de 15 a 26 de maio de 2017, pedidos para ocupação do Teatro Renascença e da Sala Álvaro Moreyra. As datas oferecidas são para o 2° semestre do ano de 2017, com temporadas de TEATRO E CIRCO, ESPETÁCULOS PARA PÚBLICO INFANTOJUVENIL, DANÇA, MÚSICA, PROJETOS NOVAS CARAS, NOITE DO CIRCO e TEMPORADA LIVRE.

Para mais informações acesse o Blog Mais Teatro

26 de abril de 2017

Diálogos sobre Noverre em comemoração ao Dia Internacional da Dança


Centro Municipal de Dança da Secretaria da Cultura de Porto Alegre convida para os Diálogos sobre “Noverre”, com Prof. Airton Tomazzoni dos Santos, no dia 27 de abril, às 9h30min , no Auditório do Atelier Livre da Prefeitura de Porto Alegre (Av. Erico Veríssimo, 307) em comemoração ao Dia Internacional da Dança (29/04).

O dia 29 de abril foi instituído o Dia Internacional da Dança em homenagem a Jean-Georges Noverre , bailarino e professor de balé francês que nasceu em Paris em 29 de abril de 1727 e faleceu em 19 de outubro de 1810. Ele reformulou os princípios gerais que norteavam a dança do seu tempo. Autor de Cartas sobre a dança, Noverre defendeu a ampla formação do bailarino, sua profissionalização e a valorização da dança frente às demais artes. Sua obra é uma leitura provocativa e referencial para a reflexão sobre a criação e ensino de dança abordando temas como a tensão entre técnica e expressividade, a questão entre cópia e inventividade, a relação entre racionalidade e emoção no processo artístico, a proximidade entre arte e vida, a atenção ao acaso e à irregularidade, ou ainda o caráter perigoso e subversivo da inventividade.

Sugestão de leitura: Artigo da Revista Cena - Prof. Airton Tomazzoni

Companhia Municipal de Dança realizada espetáculo na Mostra de Dança de Bento Gonçalves


A Companhia Municipal de Dança de Porto Alegre realiza o espetáculo “Humano Vazio” na Mostra de Dança de Bento Gonçalves que comemora o Dia Internacional da Dança, dia 27 de abril, às 20h, no Anfiteatro Ivo da Rold - Casa das Artes (Rua Herny Hugo Dreher, 127 – Bairro Planalto – Bento Gonçalves). O evento é promovido pela Secretaria Municipal de Cultura de Bento Gonçalves e a Fundação Casa das Artes, em parceria com o L’América Shopping e o Sesc.

“Humano Vazio” é a nova coreografia da Cia Municipal de Dança de Porto Alegre dirigida pelo bailarino e jovem coreógrafo Mariano Neto, ex-integrante da Cia Municipal. Neste trabalho "Tudo é sacudido, posto radicalmente em discussão. A superfície, antes congelada, das verdades e dos valores tradicionais está despedaçada e torna-se difícil prosseguir no caminho, avistar um ancoradouro”. Como coloca o filósofo Rossano Pecoraro ao abordar o tema do niilismo, atravessamos mais um período em que os valores tradicionais depreciam-se e os princípios e critérios absolutos dissolvem-se. Como agir frente ao vazio que se estabelece? É nessas direções e percursos que a o novo trabalho da Cia Municipal de Dança se permite trilhar. A instabilidade, incertezas, descaminhos, angústias, ambiguidades, que por vezes anestesiam e paralisam, por vezes provocam o frenesi no corpo, nas ações, nos gestos. Como nos afeta afinal a consciência do absurdo e do nada que atravessa nosso cotidiano.

No programa da noite a Companhia apresentará também “Scanner”, que integra o espetáculo Adágio, com direção de Airton Tomazzoni e criação coreográfica coletiva com o elenco. Na obra os bailarinos fazem uma constante e hipnótica varredura do palco, como nos aparelhos de digitalização de imagens: os scanners. Danças, movimentos, sequências coreográficas e referências da cultura contemporânea vão sendo incorporados às atitudes e ações que vão se transformando a cada vez que essa linha humana vai cruzando o palco.

A Companhia Municipal de Dança de Porto Alegre foi formalizada por Lei pelo Prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Junior, em 13 de janeiro deste ano, atendendo uma reivindicação antiga da classe artística da dança que vinha lutando por esse projeto, desde 1995, nas Conferências Municipais de Cultura. A Cia Municipal funcionou desde 2014 em Porto Alegre como projeto piloto, numa parceria da entre as Secretaria Municipais da Cultura (SMC) e da Educação (SMED) da Prefeitura de Porto Alegre.

A Cia é composta por bailarinos profissionais selecionados através de audição em edital público e atua em conjunto com o Programa das Escolas Preparatórias de Dança – EPDs e a Companhia Jovem de Dança. Teve sua estreia em 2014 e, em seus dois anos de existência, realizou 21 apresentações e somou mais de 20 mil espectadores, chegando ao final de 2016 com um repertório significativo de 8 obras coreográficas. As EPDs, atendem a crianças e adolescentes oportunizando o acesso gratuito a um programa intensivo e complementar de formação em várias linguagens de dança. Esse projeto conta com 35 professores e atualmente possui cinco sedes na periferia da cidade de Porto Alegre atendendo a mais de 500 alunos que utilizam o fazer artístico como alavanca na formação pessoal e possível formação profissional.

Em 2016, ano em que comemorou o seu segundo aniversário, a Companhia Municipal recebeu patrocínio do O Boticário na Dança para se apresentar em 4 cidades brasileiras, reconhecendo a excelência do trabalho já desenvolvido e ampliando a difusão da arte da dança produzida em nossa cidade. Encerrando o ano de 2016, a Companhia participou da montagem do concerto especial de final de ano com a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (OSPA), com a ópera Carmina Burana que foi prestigiada por mais de 6 mil espectadores no Auditório Araújo Vianna.


Serviço:

Espetáculo da Cia Municipal de Dança de Porto Alegre – “Humano Vazio” e “Scanner”
Quando: 27 de abril de 2017
Onde: Anfiteatro Ivo da Rold - Casa das Artes (Rua Herny Hugo Dreher, 127 – Bairro Planalto – Bento Gonçalves).
Que horas: 20h

Ficha Técnica:

Bailarinos:
Fernanda Santos
Fernando Queiroz
Juliana Coutinho
Kleo D’Santys
Maurício Miranda
Pamela Agostini
Stephanie Cardoso
Victoria Bemfica

Técnico de Luz: João Batista Machado Freire

“Humano Vazio”
Coreografia: Mariano Neto
Figurinos: Mova Brasil
Vídeo: Moov.art – Fernando Muniz
Fotografia: Cintia Bracht

“Scanner”
Direção: Airton Tomazzoni
Coreografia: criação coletiva
Figurinos: Antonio Rabadan

24 de abril de 2017

Centro de Dança divulga os selecionados para o Grupo Experimental de Dança 2017


Após a realização das audições entre os dias 17 e 24 de abril o Centro Municipal de Dança da Secretaria da Cultura divulga a lista dos selecionados para o Grupo Experimental de Dança 2017.
Neste ano o Grupo chega a sua 10ª edição e oferece a oportunidade de formação gratuita em dança durante o ano com diversos profissionais da área no Rio Grande do Sul e a prática de criação artística em grupo. O projeto conta neste ano com a parceria da Casa de Cultura Mário Quintana.

Confira a lista dos selecionados:

1. Adriele Teixeira
2. Alexsander Fernandes dos Santos
3. Alice Fogliatto
4. César Rodrigues Pereira
5. Diego Machado
6. Douglas Florence
7. Eduardo Silveira D’Ávila
8. Francisco Macalão de los Santos
9. Gianna Corrêa Soccol
10. Giorgia Fiorini
11. Giulia Milanez Peña Schiavi
12. Guadalupe Rausch Tomazzoli
13. Gustavo Luz
14. João Lima
15. Juliana Nólibos Jorge 
16. Juliano Ramos Barros
17. Kevin Brezolin
18. Laura Brodt Leistner Feijó
19. Leila Klein de Oliveira
20. Leonardo T. Marim
21. Ligia de Menezes Meyer
22. Luisa Krakhecke Amaro
23. Maria Ana Emerich Carmo
24. Mariana Pacheco Tebacker
25. Martina Frölhich
26. Mayara Soares Rodrigues
27. Nadia Korneeva
28. Natalia Meneguzzi Hejazi
29. Pedro Toledo Ciocca
30. Rafaela Cezar Fischer
31. Renata Ibis
32. Reynaldo Lirio de Melo Neto
33. Rocío Del Rio Mercado
34. Samantha Aline da Silva
35. Tamara Giuliana Sitta
36. Verônica Vaz

Suplentes (por ordem de classificação):

1. Lais Souza da Silva
2. Camila Maccari
3. Tiana Godinho de Azevedo
4. Joana Alcântara
5. Helena Luz
6. Luziana Oliveira
7. Julia Duarte
8. Renata Stelkens
9. Rebeca Vidal
10. Bruna Saarschimdt
11. Catarina de Lima Dias
12. Marina Feldens Malcon
13. Fernanda R. Gonçalves
14. Jesline Cantos

5 de abril de 2017

Centro Municipal de Dança abre inscrições para o Grupo Experimental 2017


O Centro Municipal de Dança da Secretaria da Cultura de Porto Alegre abre as inscrições de 06 a 13 de abril para os interessados em participar do Grupo Experimental de Dança da Cidade de Porto Alegre. O projeto oferece a oportunidade de formação em dança durante um ano com diversos profissionais da área no Rio Grande do Sul e a prática de criação artística em grupo.

O programa de curso é gratuito e inclui 4 aulas por semana (segunda, terça, quarta, e sexta), durante o turno da manhã, com diversas abordagens e estilos como dança contemporânea, dança moderna, improvisação, história da dança, entre outras. O programa prevê aproximadamente 350 horas/aula ao ano, de maio a dezembro. Mais de 400 alunos já participaram do projeto que teve no seu corpo docente profissionais como Eva Schul, Neca Machado, Douglas Jung, Alexandre Rittman, Bia Diamante, Didi Pedone, Alessandro Rivellino, Iandra Cattani, Driko Oliveira, Thais Petzhold, Suzana Dávila, João de Ricardo, Luciana Paludo, entre outros.

O projeto pioneiro e inédito é uma realização do Centro Municipal de Dança, da Secretaria da Cultura da Prefeitura de Porto Alegre, teve início em 2007 e desde 2011 conta com parceria da Casa de Cultura Mario Quintana e Secretaria de Estado da Cultura - SEDAC-RS.

Na sua curta trajetória o projeto do Grupo Experimental de Dança da Cidade já pôde perceber resultados no âmbito da criação e da formação além das fronteiras do país. Os ex-alunos Marcio Canabarro e Douglas Jung passaram na audição e ganharam bolsa para estudar na Salzburg Experimental Academy of Dance (SEAD), na Áustria. Muitos outros integrantes passaram a atuar em outros grupos ou companhias ou como coreógrafos, bem como prosseguindo sua formação em dança em centros de excelência no Brasil e no exterior. Além disso novos coletivos e núcleos de criação têm se formado a partir das turmas do GED.

Cronograma:


De 06 a 13/04 - Inscrições
De 17 a 24/04 - Aulas abertas para seleção (audições)
25/04 - Resultado da Seleção
26/04 - Aula Inaugural

As inscrições estão abertas para alunos e alunas a partir dos 15 anos. Os interessados devem enviar carta de interesse e ficha de inscrição para o Centro de Dança da Secretaria Municipal da Cultura, (Av. Érico Veríssimo, 307) através do endereço eletrônico: dancasmc@gmail.com. Outras informações pode ser obtidas através do fone 3289.8065. 

30 de março de 2017

Companhia Municipal de Dança realizada espetáculo em apoio à Casa do Artista Riograndense


A Companhia Municipal de Dança de Porto Alegre realiza o espetáculo “Humano Vazio” em apoio à Casa do Artista Riograndense, no dia 06 de abril de 2017, às 20h, no Teatro Renascença. O evento busca apoiar a manutenção da Casa e irá recolher doações de leite longa vida no dia do espetáculo. Nessa parceria a Companhia Municipal de Dança fará também uma apresentação aberta ao público no Sarau da Casa do Artista que acontecerá no próximo dia 06 de maio.

“Humano Vazio” é a nova coreografia da Cia Municipal dirigida pelo bailarino e jovem coreógrafo Mariano Neto, ex-integrante da Cia Municipal. Neste trabalho "Tudo é sacudido, posto radicalmente em discussão. A superfície, antes congelada, das verdades e dos valores tradicionais está despedaçada e torna-se difícil prosseguir no caminho, avistar um ancoradouro”. Como coloca o filósofo Rossano Pecoraro ao abordar o tema do niilismo, atravessamos mais um período em que os valores tradicionais depreciam-se e os princípios e critérios absolutos dissolvem-se. Como agir frente ao vazio que se estabelece? É nessas direções e percursos que a o novo trabalho da Cia Municipal de Dança se permite trilhar. A instabilidade, incertezas, descaminhos, angústias, ambiguidades, que por vezes anestesiam e paralisam, por vezes provocam o frenesi no corpo, nas ações, nos gestos. Como nos afeta afinal a consciência do absurdo e do nada que atravessa nosso cotidiano.

No programa da noite a Companhia apresentará também “Scanner”, que integra o espetáculo Adágio, com direção de Airton Tomazzoni e criação coreográfica coletiva com o elenco. Na obra os bailarinos fazem uma constante e hipnótica varredura do palco, como nos aparelhos de digitalização de imagens: os scanners. Danças, movimentos, sequências coreográficas e referências da cultura contemporânea vão sendo incorporados às atitudes e ações que vão se transformando a cada vez que essa linha humana vai cruzando o palco.

A Companhia Municipal de Dança de Porto Alegre foi formalizada por Lei pelo Prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Junior, em 13 de janeiro deste ano, atendendo uma reivindicação antiga da classe artística da dança que vinha lutando por esse projeto, desde 1995, nas Conferências Municipais de Cultura. A Cia Municipal funcionou desde 2014 em Porto Alegre como projeto piloto, numa parceria da entre as Secretaria Municipais da Cultura (SMC) e da Educação (SMED) da Prefeitura de Porto Alegre.

A Cia é composta por bailarinos profissionais selecionados através de audição em edital público e atua em conjunto com o Programa das Escolas Preparatórias de Dança – EPDs e a Companhia Jovem de Dança. Teve sua estreia em 2014 e, em seus dois anos de existência, realizou 21 apresentações e somou mais de 20 mil espectadores, chegando ao final de 2016 com um repertório significativo de 8 obras coreográficas. As EPDs, atendem a crianças e adolescentes oportunizando o acesso gratuito a um programa intensivo e complementar de formação em várias linguagens de dança. Esse projeto conta com 35 professores e atualmente possui cinco sedes: EMEF Senador Alberto Pasqualini, EMEF José Loureiro da Silva, EMEF Deputado Victor Issler, EMEF Pepita de Leão e EMEF Liberato Salzano Vieira da Cunha, atendendo a mais de 500 alunos que utilizam o fazer artístico como alavanca na formação pessoal e possível formação profissional.

Em 2016, ano em que comemorou o seu segundo aniversário, a Companhia Municipal recebeu patrocínio do O Boticário na Dança para se apresentar em 4 cidades brasileiras, reconhecendo a excelência do trabalho já desenvolvido e ampliando a difusão da arte da dança produzida em nossa cidade. Encerrando o ano de 2016, a Companhia participou da montagem do concerto especial de final de ano com a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (OSPA), com a ópera Carmina Burana que teve a casa lotada nos dois dias de apresentação no Auditório Araújo Vianna.

Serviço:


Espetáculo da Cia Municipal de Dança de Porto Alegre – “Humano Vazio” e “Scanner”
Quando: 06 de abril de 2017
Onde: Teatro Renascença
Que horas: 20h
Ingressos: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (Idosos, estudantes, classe artística, servidores municipais e doadores de leite longa vida para Casa do Artista Riograndese) – venda na bilheteria do Teatro uma hora antes do espetáculo
Doação de um litro de leite longa vida na entrada do Teatro Renascença. As doações serão encaminhadas a Casa do Artista Riograndense.

Ficha Técnica:


Bailarinos:
Bianca Weber
Fernanda Santos
Fernando Queiroz
Juliana Coutinho
Kleo D’Santys
Maurício Miranda
Pamela Agostini
Stephanie Cardoso
Victoria Bemfica

Técnico de Luz: Karrá
Técnico de Som: Airton Tomazzoni

“Humano Vazio”
Coreografia: Mariano Neto
Figurinos: Mova Brasil
Vídeo: Moov.art – Fernando Muniz
Fotografia: Cintia Bracht

“Scanner”
Direção: Airton Tomazzoni
Coreografia: criação coletiva
Figurinos: Antonio Rabadan